Guarulhos integra Pacto de Milão sobre Política de Alimentação Urbana

Desde esta quinta-feira, dia 1º, Guarulhos passou a ser signatário do Pacto de Milão, instituído na cidade italiana durante a Expo Universal 2015, baseado na articulação de governos locais do mundo que privilegia e reconhece o compromisso nas políticas de agricultura urbana e segurança alimentar.

O prefeito Sebastião Almeida recebeu essa informação com muita satisfação e fez questão de enfatizar a importância desse ato. “Em primeiro lugar, é importante destacar que essas parcerias, especialmente esta com a cidade de Milão, é uma troca de experiências numa área que é fundamental para a sobrevivência da humanidade. As cidades estão ganhando cada vez mais proporção, tanto que há pouco tempo tínhamos no Brasil 20% da população na cidade e 80% no campo; mas isso tudo se inverteu, com 80% morando na cidade e apenas 20% trabalhando na produção no campo”, explica.

Almeida ainda destaca a questão do cuidado com o pequeno produtor. “Todos nós que governamos temos de ter um olhar muito atento a isso e, por conseqüência, fortalecer o resgate da história daqueles pequenos produtores, seja na área de hortaliças ou em pequenas produções. É fundamental que a gente garanta a sobrevivência das pessoas dentro das cidades. Nós não podemos esquecer nunca que gente só vai ter felicidade na cidade se o homem do campo continuar produzindo o alimento necessário para chegar às nossas mesas. Em suma, essa parceria tem cada vez mais esse objetivo. Podemos viver nas cidades, mas sem esquecer que se a terra não produzir, ninguém vai sobreviver”, finaliza.

Ainda de acordo com Almeida, ao longo dos últimos anos, Guarulhos se estruturou para fomentar as produções locais agroecológicas. A Prefeitura, além de criar o Programa de Segurança Alimentar e Nutricional e acompanhar a criação do Comsan (Conselho de Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional), abriu os restaurantes populares e tem promovido feiras de agricultura urbana para produtores locais comercializarem os seus produtos. Dessa forma, ganham os pequenos produtores e os guarulhenses, que têm acesso facilitado e mais barato à produção de alimentos orgânicos, responsáveis social e ecologicamente.

O Pacto

O Pacto foi uma iniciativa criada pela Prefeitura Milão durante a Expo 2015, e até agora contava com quatro cidades brasileiras (Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo). Guarulhos é a quinta cidade brasileira chancelada por Milão, também em razão de ter desenvolvido diversas atividades de fortalecimento da área de segurança alimentar e agricultura urbana, desenvolvidas pela Coordenadoria do Fundo Social de Solidariedade da Prefeitura.

Em 2011 e 2012, Guarulhos também coordenou um projeto internacional de agricultura urbana, promovido pela Rede de Mercocidades e financiado pela União Europeia. O projeto, chamado “Guarulhos Semeando o Futuro”, contou com a participação das cidades de Rosário, Belo Horizonte, da Universidade Federal de São Carlos, do Programa Comida para as Cidades (RUAF/Holanda) e técnicos da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO/ONU). A iniciativa proporcionou material e metodologia para capacitação das agricultoras urbanas locais, prevendo a certificação e comercialização dos produtos de hortas entre as escolas de cidades integrantes da Rede.


Fonte: Prefeitura Municipal de Guarulhos.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s