Internacionalização das cidades foi eixo de debate em evento prévio a XXI Cúpula de Mercocidades

No dia 30 de agosto, a cidade de Santa Fé, na Argentina, foi sede do seminário “Internacionalização de cidades, desafios e experiências regionais”, como uma instância preparatória para a XXI Cúpula de Mercocidades, que ocorrerá na mesma cidade no final de novembro deste ano. Participaram do encontro cerca de 170 representantes de distintas cidades de diversas províncias do país.

Estiveram presentes na ocasião autoridades das províncias de Santa Cruz, Chaco, Formosa, Buenos Aires, Córdoba, Mendoza, Santiago del Estero, Entre Rios, e Santa Fé. Além das cidades argentinas, participaram representantes de Montevidéu, Uruguai, representada pela diretora do Observatório de Cooperação Descentralizada União Europeia – América Latina, que apresentou o Programa de Cooperação Sul – Sul de Mercocidades, convidando às cidades presentes a se juntarem à proposta.

O encontro permitiu abordar a internacionalização das cidades e compartilhar casos exitosos de boas práticas. Seguindo esta linha, o diretor da Agência de Cooperação Internacional, Investimentos e Comércio Exterior, Pablo Tabares, mencionou que “Santa Fé conta com uma experiência muito importante no que se refere à Educação Inicial e Gestão de Risco, questões sobre as quais cada vez estamos recebendo mais consultas. As cidades querem conhecer e aplicar nosso desenvolvimento. Mas, nós também vemos com atenção como se resolveram demais questões em outras cidades”.

Durante o seminário, os participantes trabalharam em torno dos avanços do programa da Cúpula de Mercocidades que será realizada de 23 a 25 de novembro em Santa Fé. Além disso, os presentes desenvolveram painéis e atividades sobre “Políticas e estratégias de Internacionalização de governos locais”, “Colaborações da Cooperação Descentralizada à Rede de Mercocidades”, “Capacitação de governos locais”, “Programas e política de cooperação descentralizada”, e a “Apresentação da XXI Cúpula de Mercocidades”. Em referência a esta última, Tabares ressaltou a importância que teve esta atividade para “preparar à Cidade, e seus pesquisadores, docentes, estudantes, para serem anfitriões da Cúpula de Mercocidades”, onde Santa Fé contará com a presença de mandatários de cidades de toda a América Latina, assumindo neste momento a Presidência da Rede.

Este Seminário preparatório foi organizado de forma conjunta pela Agência de Cooperação, Investimentos e Comércio Exterior do Governo da Cidade e a Universidade Nacional do Litoral, com o apoio de Mercocidades, do Conselho Argentino de Relações Internacionais (CARI), da Secretaria de Relações Internacionais da Província de Santa Fé e da Universidade Católica de Santa Fé.


Fonte: Mercocidades (com alterações).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s